RSS

OBJETIVOS GERAIS DO MILÊNIO

25 set

Assembleia Geral da ONU verifica os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio

DIÁLOGO
Aproximadamente 140 líderes de Estado e governo reuniram-se para a Cúpula dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, entre 20 e 22 de setembro, nas Nações Unidas, em Nova York. AFP PHOTO/DON EMMERTAproximadamente 140 líderes de Estado e governo reuniram-se para a Cúpula dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, entre 20 e 22 de setembro, nas Nações Unidas, em Nova York. AFP PHOTO/DON EMMERT

Aproximadamente 140 líderes de Estado e governo reuniram-se para a Cúpula dos Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, entre 20 e 22 de setembro, nas Nações Unidas, em Nova York.
A cúpula teve como objetivo revisar o progresso, identificar lacunas e comprometer-se com providências concretas para cumprir com os oito Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (Millennium Development Goals – MDGs) criados em 2000. 
Eles incluem a erradicação da fome e da pobreza extremas, o estabelecimento da educação primária universal, a criação da igualdade de sexos e maior poder para a mulher, redução da mortalidade infantil, melhora da saúde materna e o combate ao HIV/AIDS, malária e outras doenças, segundo a Agência de Notícias da ONU.
Durante seu discurso inaugural no Encontro Plenário de Alto Nível da Assembleia Geral dos MDGs, o presidente da Assembleia Geral, Joseph Deiss, solicitou que os países, os doadores, a sociedade civil e o setor privado cooperassem mais de perto para que os MDGs fossem atingidos, enfatizando que uma parceria global é a chave para que se alcancem estes objetivos.
Deiss enfatizou que é dever moral da comunidade internacional cuidar do bem-estar de seus membros mais fracos, mas apelou para parcerias mais amplas para que este objetivo seja alcançado até no máximo 2015.
O secretário-geral Ban Ki-moon, por sua vez, apelou aos líderes mundiais para que reafirmem seu compromisso de reduzir a pobreza, a fome e as doenças em todo o mundo dentro dos próximos cinco anos, disse Voz da América (VOA).
“Juntos criamos um esquema para acabar com a pobreza extrema. Definimos os objetivos plausíveis e os cronogramas”, disse Ban referindo-se ao grande progresso que o acordo representou em 2000.
“Nós criamos uma estrutura que todos os parceiros, até mesmo aqueles que têm pontos de vista diferentes, conseguiram aderir”, continuou ele, conforme informação da VOA.
Ambos os representantes da ONU enfatizaram que já se fez muito desde 2000, mas que ainda há muito mais a ser feito.
O secretário-geral Ban enumerou algumas das realizações, incluindo:
-Parcerias públicas e privadas com novas concepções e inovadoras
-Aumento considerável no número de matrículas escolares
-Acesso mais amplo à água potável
-Maior controle de doenças
-Expansão da tecnologia, da móvel para a verde
Ban também concordou com Deiss em relação ao fato de que o progresso foi desigual, e que “ainda estamos muito lentos em algumas regiões, incluindo a África Subsaariana”.
Deiss disse também que algumas regiões saíram perdendo, “especialmente quando se trata de erradicar a fome, reduzir a mortalidade infantil e melhorar a saúde materna”, informou a Agência de Notícias da ONU
Os participantes revezaram-se para discursar durante o encontro e mantiveram mesas-redondas para encontrar meios de concentrar seus esforços para que os objetivos sejam alcançados nos próximos cinco anos.
“Sejamos francos e reconheçamos que seja o que for que dissermos ou concordarmos nos próximos dias serão apenas palavras a menos que nos países mais pobres e nas comunidades mais carentes os pobres comecem a sentir melhoras em suas vidas”, disse Ali Treki, presidente da Assembleia Geral anterior e codiretor do atual encontro plenário de alto nível dos MDGs.
Ele concordou com seus pares Ban e Deis quanto ao fato de que, embora muito já tenha sido feito, ainda há muitas outras necessidades, concluiu o relatório da Agência de Notícias da ONU.
 
Deixe um comentário

Publicado por em setembro 25, 2010 em Uncategorized

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: