RSS

FIM DE SEMANA NO JARDIM BOTÂNICO DO RIO DE JANEIRO

12 nov
Fim de semana de boa música e cinema no Jardim
Villa-LobosComeça nesta sexta-feira, 12, o Festival Villa-Lobos, que tem no Jardim Botânico do Rio de Janeiro um de seus pontos de encontro este ano. No Jardim, a programação tem início no sábado, 13, com a abertura da mostra Música e Músicos no Cinema Brasileiro, às 12h, no Cineclube do Centro de Visitantes. O filme apresentado será “Noel, o poeta da Vila”. No domingo, no mesmo horário, o filme será “Brasileirinho”, um documentário que homenageia o choro e os chorões. Um pouco mais cedo, às 11h, o grupo Os Matutos faz show ao vivo no gramado do Centro de Visitantes, inaugurando a série “Choro no Jardim”. Grátis.

Programação do Festival Villa-Lobos, no Jardim Botânico, neste fim de semana:
 
Sábado, 13/11
 
12h – Mostra “Música e Músicos no Cinema Brasileiro”
Filme: Noel, o Poeta da Vila
Direção: Ricardo van Steen (100 min)
Local: Cineclube do Centro de Visitantes
 
Domingo, 14/11
 
11h – Série “Choro no Jardim”
Show: Os Matutos, com Tadeu Santinho, flauta e flautim; Everson Moraes, trombone e bombardino; Aquiles Moraes, trompete e flugelhorn; Maycon Júlio, bandolim; Marlon Júlio, violão de 7 cordas; Pablo Carrilho, violão de 6 cordas; Lucas Oliveira, cavaquinho; Magno Júlio, percussão e Marcus Thadeu dos Santos, percussão.
Local: Gramado do Centro de Visitantes
 
12h – Mostra “Música e Músicos no Cinema Brasileiro” 
Filme: Brasileirinho (90 minutos)
Direção: Mika Kaurismaki
Local: Cineclube do Centro de Visitantes
 
 
Documentários ambientais em exibição no sábado
 
Depois da música, o movimento continua no Cineclube do Jardim, com a apresentação, dia 13, dos documentários ambientais “A verdade do Gato”, às 15h, e “Brasil: mais natureza, menos pobreza”, às 16h. Os filmes fazem parte da mostra Reprise I Cine Gaia, que acontece quinzenalmente.
 
“A verdade do Gato” (2006) é um documentário belga que mostra a rotina no vilarejo Carmo do Rio Verde, em Goiás. Lá, usineiros empregam cerca de 1.200 trabalhadores temporários, contratados por “Gato”, que promete abrigo e bom salário em troca de comissão. Mas a realidade é diferente.
 
O filme “Brasil: mais natureza, menos pobreza” (2006), de Estevão Ciavatta, conta com narração da atriz Fernanda Torres para mostrar como áreas de conservação do território brasileiro unem tradição e novas ideias para preservar a natureza e combater a pobreza.
 
As sessões do Cine Gaia são gratuitas.
 
 
Mais Música no Jardim
 
Depois dos documentários, vale a pena conferir, às 17h, o segundo show do projeto Música no Jardim Botânico, neste sábado, 13. Desta vez, quem ocupa o gramado do Centro de Visitantes com música instrumental de altíssima qualidade são Gilson Peranzzetta & Mauro Senise, tendo como convidado o guitarrista Leonardo Amuedo. Se chover, o show será transferido para o domingo, no mesmo horário. Grátis.
FONTE- JARDIM BOTÂNICO DO RIO DE JANEIRO

 
Deixe um comentário

Publicado por em novembro 12, 2010 em Uncategorized

 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

 
%d blogueiros gostam disto: